Programas de Apoio e Financiamento no Turismo

A START Esposende marcou presença numa sessão de trabalho sobre os instrumentos de apoio às empresas do turismo.

Nesta sessão foi resumida a estratégia Turismo 2027:

  • Combate à sazonalidade
  • Valorização do património e cultura
  • Desconcentração da procra
  • Qualificação e valorização dos RH
  • Estímulo à inovação e ao empreendedorismo

Foram também resumidas as medidas disponíveis para apoiar as empresas do setor do turismo.

Linha de apoio à tesouraria para micro e pequenas empresas do turismo COVID-19

Beneficiários
Micro e pequenas empresas do setor do turismo e a outras atividades económicas com relevo para o turismo

Financiamento

  • €750 mensais por cada posto de trabalho, multiplicado pelo período de três meses (até ao montante máximo de €20.000 para microempresas e de €30.000€ para pequenas empresas)
  • 20% do valor do apoio concedido  pode ser convertido em incentivo não reembolsável;
  • aos 20% do valor do apoio concedido pode acrescer o montante de €250 por empresa.

Mais informações aqui.

Linha de Apoio à Economia COVID-19: Médias e Grandes Empresas do Turismo

Beneficiários
Médias e Grandes Empresas e Small Mid Cap e Mid Cap, em qualquer dos casos com atividade em território nacional continental

Financiamento

  • €4.000 por posto de trabalho;
  • 20% do valor do apoio concedido  pode ser convertido em incentivo não reembolsável.

Mais informações aqui.

Linha de apoio à qualificação da oferta
Destinada ao financiamento a médio e longo prazo de projetos turísticos que se traduzam na:
– requalificação e reposicionamento de empreendimentos, estabelecimentos e atividades;
– na criação de empreendimentos, estabelecimentos e atividades implementados nos territórios de baixa densidade
– no domínio do empreendedorismo.

Mais informações aqui.

OpenCall202020

Destinatários
A OpenCall202020 tem como destinatários principais empresas que sejam proprietárias de imóveis afetos à atividade turística ou industrial.
Admitem-se ainda como destinatários empresas que, sendo ou não proprietárias do imóvel objeto da operação, nele desenvolvam ou pretendam vir a desenvolver atividade turística.

Montante máximo
As operações a realizar traduzem-se na aquisição de imóveis, para subsequente arrendamento, até um montante máximo de € 5.000.000, através dos fundos de investimento imobiliário geridos pela Turismo Fundos. O preço de aquisição corresponderá, no máximo, a 90% da média simples do valor das avaliações do imóvel.

Opção de compra
Será facultada, à empresa inquilina, a opção de compra do imóvel, que poderá ser exercida a partir do terceiro ano de vigência do arrendamento e até ao termo do prazo do contrato de arrendamento. 

Mais informações aqui.

Call FIT

Destinatários
A Call Fostering Innovation in Tourism investe em projetos de turismo na fase pré-seed, Não Tecnológicos e Tecnológicos.

Montante máximo
Até ao montante de 100 mil euros por projeto.

Mais informações aqui.

Partilhar:

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email